terça-feira, 2 de março de 2010

"O dia de amanhã ninguém usou. Pode ser seu." Pagano Sobrinho


Nós vivemos numa realidade em que existem várias coisas ao nosso dispor que consomem o nosso tempo. Existe a internet, celulares, playstation, computadores, tv a cabo, cinema 3D, e a lista continua. Existem várias opções à sua volta para que você nunca esteja triste, ou refletindo sobre seus problemas, e também para que você não tenha tempo algum livre.
Até mesmo várias revistas e jornais estão indo a falência porque as pessoas dizem não ter mais tempo para ler, devido ao cérebro estar tão ocupado com a multidão de entretenimento.

O que nos leva a pensar o seguinte: como é que as pessoas viviam antes de ter toda esta tecnologia à sua volta? A maior parte das pessoas são da opinião que naquela altura a vida deveria ser um verdadeiro tédio. Contudo parece que hoje em dia, o número de pessoas que sofrem com depressão não para de subir, e a taxa de divórcio também está cada vez mais alta, e o crime nas nossas ruas se torna cada vez mais violento. Será que isto é um sinal que alguma coisa ao nosso redor tem que mudar?

A verdade é que todas estas tecnologias hoje em dia só nos roubam do tempo que antes dedicávamos às coisas que são realmente importantes. Antigamente as pessoas passavam a sua hora do jantar sentados à mesa com a sua família, falando sobre os planos do futuro e desfrutando da companhia um do outro. Mas hoje em dia essas mesmas pessoas se acham ocupadas demais porque estão vendo os seus e-mails ou falando de graça na internet com os seus amigos noutra parte do mundo. As crianças hoje em dia não brincam mais com os seus pais mas são “educados” pelos jogos computorizados.

Enquanto o nosso tempo continua ocupado por todas essas coisas e ficamos sem tempo para investirmos nas coisas que realmente importam, o mundo à nossa volta continuará a despencar sem que a gente perceba. As coisas que realmente devem consumir o nosso tempo com a família, ou nosso tempo para investir na nossa vida espiritual e na nossa relação com Deus, estão sendo negligenciadas porque nunca temos tempo para aquilo que realmente é importante.

Procure retomar o controle do seu tempo para aquilo que realmente é importante, para que não tenha que se preocupar quando já for tarde demais.